Login

Glauco Bresciani Silva

Chega um momento no qual todas as coisas fazem sentido. Esta é a principal sensação dentre inúmeras que me tocam neste momento imediato à minha aprovação no concurso para Magistratura do Trabalho da 3ª Região no início de dezembro de 2014.

Terminei minha graduação no final de 2006, sinceramente não sabia muito bem o que almejava, na realidade estava com o casamento marcado para o fim de 2007, confesso que precisava quitar o apartamento adquirido com minha noiva na época (atualmente minha esposa) e manter minha família financeiramente.

Em 2009 ministrava aulas para concurso público em cursinhos de São Paulo, já havia quitado o apartamento, mas trabalhava demais, buscando melhor qualidade de vida, junto de minha esposa, decidimos que seria melhor ocupar um cargo público. Diminui as aulas, comecei a estudar.

Confesso que tinha medo de prestar concurso para magistratura, tomei coragem em 2010. No final deste ano consegui chegar na fase de sentença do TRT 3. Porém, não logrei aprovação, minha esposa ficou gestante, abandonei os concursos em 2011.

Ainda em 2011 tomei posse como técnico judiciário. Em 2012 voltei a estudar para Magistratura. Os concursos mudaram muito neste período, a primeira fase passou a ser uma enorme barreira com altíssimas notas de corte. Foi quando ouvi falar do Preparo Jurídico.

Foi uma alavanca. O método de esquemas e destaques na lei me surpreendeu. O questionário de falso e verdadeiro ao final me ajudou muito a memorizar os textos legais. No segundo concurso que prestei após meu retorno (TRT15) já consegui a aprovação na primeira fase. Bateu aquela euforia, uma certeza de que iria ser aprovado. Decepção. Reprovei na segunda fase. Sem perceber perdi o ânimo, fiz inúmeras primeiras fases e não fui aprovado.

Foi aí que encontrei a melhor face do Curso Preparo Jurídico. O lado humano. Pelo simples motivo de eu deixar de enviar emails com sugestões e dúvidas, o Roberto e a Roberta tiveram a sensibilidade de notar meu desânimo e me ligaram. Questionaram o que havia ocorrido comigo, os motivos de minha ausência. Fiquei impressionado por não ser apenas um número pagante de um curso. Foi essencial. Isto ocorreu no final de 2012.

Fiz inúmeros cursos no Preparo Jurídico, com destaque para os preparatórios de segunda fase do Professor Fábio Moterani que me trouxeram uma visão diferenciada para o estudo.

A cada período notava que o material do preparo se renovava e se tornava ainda melhor com novos esquemas, bizus e outras utilidades muito didáticas.

Como cristão creio que todas as coisas contribuem para o bem daqueles que amam a DEUS. O Preparo foi uma destas “coisas” que contribuíram bastante para a tão sonhada aprovação.

Destaco assim o método do Preparo para todas as fases que define inclusive uma agenda de estudos, o que considero essencial e traz grande segurança. Parabenizo pelos seus professores e qualidade do atendimento. Acima de tudo enfatizo o carinho e a atenção do Roberto e da Roberta em um momento tão difícil. Creio que existem mais de 20 alunos do Preparo indicados por mim, não por mérito meu, mas porque testaram e comprovaram a qualidade.

Só me resta desejar que DEUS abençoe vocês e aos concurseiros. Como palavras de ânimo sugiro que mantenham a esperança e a fé, ainda que a concentração se disperse com o tempo e a aflição, no final tudo fará sentido e será bem mais bonito e gostoso do que imaginam.

Glauco Bresciani Silva 0

Preparo Jurídico 2012-2019 CNPJ 17.084.865/0001-86 Todos os direitos reservados. All rights reserveds