Gisleine Maria Pinto – Aprovada no concurso de juiz do trabalho do TRT 23-2014

Fui aprovada recentemente no concurso de Juiz do Trabalho Substituto da 23ª Região e estou imensamente feliz por compartilhar com vocês um pouco da minha trajetória rumo à aprovação.

Entrei para a Justiça Federal em 1998, ocasião em que era bacharel em Biomedicina, e quando concluí a faculdade de Direito em 2004, já estudava para concursos públicos, porém somente em 2008 comecei a me dedicar ao estudo para a magistratura do trabalho, pois percebi, conhecendo bem o dia a dia da Justiça Federal, que seria mais feliz realizando um trabalho de cunho social. Nesse momento, decidi que me dedicaria apenas à magistratura do trabalho. E assim aconteceu.

Contudo, em virtude de alguns contratempos relacionados ao trabalho e à família, tive que abrir mão dos estudos e retornei com mais foco apenas no segundo semestre de 2010, e a partir daí foram muitas e muitas viagens, colhendo muitas aprovações e reprovações, que se alternavam nas fases do concurso e não me permitiam alcançar a esperada vitória.

Foi em uma dessas viagens, fazendo a prova do TRT da 3ª Região, no início de 2012, que conheci o curso Preparo Jurídico através do meu amigo Flávio Silveira, que disse se tratar de uma nova proposta de estudo. Lembro que o curso estava iniciando e me matriculei nas turmas de primeira e segunda fase (questões discursivas).

Procurei seguir à risca as orientações da Roberta e lia todo o material esquematizado de lei seca, além de fazer todos os exercícios propostos. A partir daí foi significativa a melhora que tive nas provas de primeira fase, sobretudo naquelas elaboradas pela FCC.

Também sou muito grata aos professores que corrigiam as resoluções das questões discursivas, especialmente o professor Luiz Leopoldo Antunes, que trazia temas atuais e apontava as minhas falhas, e mais uma vez pude constatar a minha evolução.

Me mantive vinculada ao curso, que trouxe novas propostas, buscando nos preparar para a primeira e segunda fase do concurso. O material fornecido pelo curso era sempre atualizado e trazia muitos esquemas, que facilitavam bastante o estudo na semana anterior à prova. Sempre contei com o apoio da Roberta e do Roberto, que, além de serem profissionais extremamente competentes, eram muito prestativos, e também me incentivavam quando nos encontrávamos ao final das provas. 

Sou muito grata a vocês!!! 

Aproveito, também, para deixar uma mensagem para todos que estão iniciando na jornada do concurso público, e especialmente para aqueles que estão nesse percurso há mais tempo, como foi o meu caso: alcançar ou não a aprovação depende de perseverança.

Olhando para a minha história de vida vejo que tinha muitos motivos para desistir, e pensei nisso muitas vezes, como muitos colegas. Além de trabalhar sem contato com o Direito do Trabalho, tinha, sozinha, responsabilidade por tudo que envolve o cuidado com a casa e com o meu filho. Decidi dormir menos tempo e também abrir mão de momentos de lazer, pois precisava estar um pouco mais com o meu filho, que crescia na minha ausência em vários momentos, tanto pela necessidade de dedicação aos estudos como pela necessidade de fazer cursos, viajar nos períodos de prova etc. 

Confesso que pouco antes da minha aprovação pensei realmente em desistir, pois em 2014 passei por sérios problemas de ordem pessoal. Além disso, a idade e o cansaço se somavam à decepção constante com as reprovações. 

No entanto, para a minha surpresa recebi ajuda de professores que hoje são meus amigos e não me deixaram desistir, foram sim verdadeiros anjos em minha vida.

Por isso, mantenham-se firmes, perseverem, pois as dificuldades virão para qualquer um, não importa a idade, a condição social etc, e o auxílio divino tarda, mas não falha. Cada um tem a sua história de vida.

Cultivem a fé, e, independentemente da religião de cada um, acreditem que Deus tem um propósito em nossas vidas e tudo acontece no tempo Dele, no tempo necessário para adquirirmos a maturidade exigida para o exercício do cargo que almejamos e que tenhamos a convicção de que essa é a nossa vocação.

Deus tudo providencia e tudo providenciará conforme as nossas necessidades. Esperem, confiem e façam a sua parte!! 

Grande abraço a todos.

Gisleine Maria Pinto

Gisleine Maria Pinto Aprovada no concurso de juiz do trabalho do TRT23-2014

© COPYRIGHT 2020 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - PREPARO JURÍDICO - CNPJ 17.084.865/0001-86